Casais e Eusébios aposta no negócio dos centros comerciais

by

Sob a marca “Sans Frontières”, a construtora Casais vai alargar a sua actividade ao negócio da promoção de centros comerciais, aquém e além fronteiras.

Sempre em busca de novas oportunidades de negócio, o Grupo Casais vai lançar-se na promoção de centros comerciais, em Portugal e no estrangeiro. Sob a marca «Sans Frontières», a construtora bracarense estabeleceu uma joint-venture com o empresário francês Roger Schiltz para o desenvolvimento, promoção e gestão de shoppings, aquém e além fronteiras.

No mercado nacional, a Casais ficou responsável pela construção de dois centros comerciais, um em Guimarães e outro em Olhão. O Guimarães Plaza tem abertura prevista para o próximo ano e conta com um investimento de 75 milhões de euros, ao passo que no Ria Shopping vão a ser aplicados, ao todo, 40 milhões de euros. O empreendimento algarvio, com uma área bruta locável de 14,5 mil metros quadrados, deverá abrir portas em finais de 2008.

Já em operação, os shoppings Glicínias, em Aveiro, e o Foz Plaza, na Figueira da Foz, ambos promovidos pelo grupo de Roger Schiltz, também passaram para o universo da «Sans Frontières».

He Mai Plaza. Eis o nome do primeiro centro comercial promovido por empresas portuguesas na China. Em fase inicial de obra, ocupando um terreno de 17 mil metros quadrados, o empreendimento está a ser erguido na cidade de Jinan (situada na costa leste a Norte de Xangai), que conta com uma população da ordem dos cinco milhões de habitantes. Ainda sem data de inauguração marcada, o “shopping” (na foto) terá 35 lojas, numa área bruta locável de 17 mil metros quadrados.

Este empreendimento comercial, que terá ainda associado um hotel a desenvolver por outras entidades, deverá representar um investimento da ordem dos 100 mil yuan, o que equivale a aproximadamente 10 milhões de euros. O projecto é promovido pelas construtoras portuguesas Casais e Eusébios, em parceria com o grupo de Roger Schiltz.

“Não queremos estar nas grandes cidades. A nossa presença na China tem como objectivo desenvolver, promover e gerir centros comerciais médios em cidades de média dimensão, onde este tipo de empreendimento é praticamente inexistente, acautelando assim o risco do negócio”, explicou, ao Jornal de Negócios, Mário Fernandes, administrador da Schiltz, Casais & Eusébios Investimentos, sociedade detida em partes iguais pelos três parceiros.

Já em Ningbo, cidade localizada no lado oposto à baía de Xangai, a trilogia empresarial de maioria portuguesa tem em fase de aprovação um empreendimento de maior dimensão, composto por um centro comercial e duas torres habitacionais, de 20 pisos cada. Numa “joint venture” com um parceiro chinês, cuja identidade não foi revelada, o projecto está orçado em 200 mil yuan, ou seja, cerca de 20 milhões de euros.

De resto, Shiltz, Casais & Eusébios garantem que estão na China para ficar. “Temos uma estrutura própria e sedeada em Xangai. O nosso objectivo é estar na promoção imobiliária a longo prazo na China. Trata-se de uma iniciativa que comporta algum risco, mas acreditamos muito no que estamos a fazer”, concluiu Mário Fernandes, arquitecto, 31 anos, responsável pela área imobiliária do grupo Casais.

Além destas iniciativas, a empresa pretende continuar a apostar, nesta área de negócio, no mercado internacional, nomeadamente na Turquia e no Cazaquistão.

Noticias Relacionadas: Shoppings Sans Frontieres arrancam em Guimarães e Olhão

Fonte: Jornal AiMinho e Jornal de Negócios

4 Respostas to “Casais e Eusébios aposta no negócio dos centros comerciais”

  1. carlos pinto Says:

    QUE tenham muito sucesso pois são empreas de grande prestigio.SOU motorista de betão gostaria de saber como poderia me escrever,tanto para portugal como no estrangeiro.OBRIGADO

  2. jose monteiro Says:

    sou ferrejeiro e carpinteiro de camfragem não esta a precisar?

  3. Nazare Monteiro Says:

    Gostaria de saber do eventual interesse para parcerias em Angola

  4. Alfredo Henrique Teixeira Says:

    Gostava de submeter meu currículo profissional em gestão de centros comerciais.
    Peço vossas instruções para tal.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: